Stena Line testa navio híbrido eléctrico

Stena Line testa navio híbrido a bateria

O Stena Jutlandica concluiu com sucesso o primeiro mês de operação com alimentação híbrida a bateria. O objectivo é navegar só com energia eléctrica.

O projecto, que visa converter a embarcação para poder ser alimentada a energia eléctrica, faz parte dos esforços da Stena Line para encontrar formas de reduzir o seu impacto no meio ambiente.

A iniciativa de reconversão do Stena Jutlandica, que opera na rota Gotemburgo-Frederikshavn, está a ser realizada por etapas. A actual é a primeira e consiste na mudança para operação eléctrica para reduzir o uso de geradores a diesel, bem como para manobrar e alimentar os motores de proa quando o navio estiver no porto.

No segundo passo, a energia da bateria será ligada a duas das quatro máquinas principais, o que significará que o Stena Jutlandica poderá funcionar com energia eléctrica durante cerca de dez milhas náuticas no interior do arquipélago de Gotemburgo até ao Farol de Vinga.

Numa terceira e última etapa, todas as quatro máquinas principais serão conectadas às baterias e o navio poderá percorrer as 50 milhas náuticas entre a Suécia e a Dinamarca exclusivamente com energia eléctrica.

Os efeitos positivos da iniciativa sentiram-se logo no primeiro mês, asseguram desde a Stena Line. A companhia contabiliza que o uso da energia da bateria para reduzir o uso do gerador e manobrar no porto equivaleu, no período, a uma poupança de cerca de 500 toneladas de combustível e 1 500 toneladas de CO2. Isso, por sua vez, corresponde às emissões anuais de aproximadamente 600 carros.

 

Inserir um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Translate »