Tilbury investe num novo terminal ro-ro

 

Na Primavera de 2020, o porto de Tilbury tornar-se-á o maior do Reino para a movimentação de cargas ro-ro, com a construção do Tilbury 2.

O Porto de Tilbury já recebeu a autorização do governo britânico para construir o Tilbury 2, um novo terminal adjacente às actuais instalações portuárias de 376 hectares em Thurrock, nos arredores da Grande Londres, anunciou a Forth Ports Group.

Com o arranque da construção previsto para dentro de poucas semanas, Tilbury 2, financiado por fundos privados, ocupará um terreno de mais 60 hectares que fazia parte da antiga central eléctrica de Tilbury.

Quando estiver em operação, na Primavera de 2020, será o maior porto de cargas desacompanhadas do Reino Unido e o maior centro de processamento de materiais de construção do país.

A construção do terminal, que incluirá uma nova ligação ferroviária e rodoviária, um cais de águas profundas e um pontão, representará um investimento superior a 200 milhões de libras (230 milhões de euros).

O Tilbury 2 será composto por um terminal de navios ro-ro para importação e exportação de contentores e semi-reboques para o Norte da Europa, em parceria com a P&O Ferries. Além disso, incluirá instalações para importação, processamento, produção e distribuição de materiais de construção, um terminal ferroviário para comboios de mercadorias de até 775 metros de comprimento e áreas de armazenamento para mercadorias de importação e exportação, incluindo automóveis.

Com o novo terminal, a capacidade do porto duplicará para a casa dos 32 milhões de toneladas/ano.

“Esta é uma óptima notícia para o Reino Unido, num momento em que o país precisa dos seus portos mais do que nunca. O Tilbury 2 fornecerá a capacidade portuária necessária para apoiar as empresas que importam e exportam para e da Europa e do resto do mundo”, indica, em comunicado, o CEO da Forth Ports Group, Charles Hammond.

“O terminal será adequado à saída do Reino Unido da União Europeia, utilizando a tecnologia mais recente e simplificando os processos de fronteira, em apoio à procura contínua do mercado criada pelo crescimento dos negócios”, acrescenta.

“Até 2020, mil milhões de libras [1 150 milhões de euros] terão sido investidos nos planos de expansão de Tilbury, incluindo o Tilbury2 e o London Development Park, de 22 hectares, com o total apoio dos nossos accionistas”, refere Hammond.

 

 

 

Inserir um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Translate »